Desacerto

eu quis suja
ela quis limpa

eu quis par
ela quis ímpar

eu quis grossa
ela quis fina

eu quis Finlândia
ela quis China

eu quis bagunça
ela quis faxina.


Filipe Rassi (Patos de Minas, 1989). Poeta e vocalista de banda de rock, que descobriu a verdadeira necessidade da poesia após algumas estadias em hospitais psiquiátricos e no inferno.

Publicado por:Jorge Pereira

Recifense, produtor cultural, editor-chefe da Revista Philos e criador da Casa Philos.

Um comentário sobre ldquo;Neolatina: Mostra de poesia lusófona, por Filipe Rassi

Deixe uma resposta