Notes from Morocco

I
the key is to wait
for the waves to cease

then you can cross the river
where it meets the sea

II
le maroc, c’est comme ça:
just go for the hash
and hope for the best.

Retrato

na beira
d’areia
da praia
deste lugar
— riomar —
cujo nome
ou precisão geográfica
não interessam
ao sentimento
sem precisão
que pulsa através
dos descaminhos:

a boca cheia
de peixe
a mastigar
da garota
de óculos escuros

e a sola dos pés
deste homem sem idade
que desejo
sem rosto e sem passado
enquanto a maré
não seca
o sol que resta
aos nossos dias

Latinoamérica

a noite das américas
tem um que de casa
un quoi de chez
casi sin palabras


Thássio Ferreira (Rio de Janeiro, 1982). É poeta e contista, autor do livro de poemas (DES)NU(DO) (Íbis Libris, 2016) e de contos publicados nas antologias Prêmio VIP de Literatura 2016 (A.R. Publisher, 2016) e “Entre Amigos” (Sinna, 2016). Recentemente, seu livro inédito de contos “Cartografias” foi um dos pré-selecionados ao Prêmio Sesc de Literatura 2017. Tem poemas e contos publicados em revistas diversas como Philos, Germina, Mallarmargens, Revista Semeadura e Avessa.