Cinema amplia horizontes, desperta o senso crítico e promove integração social. Com curadoria da jornalista Priscila Urpia, o Cine Philos, ação continuada da Revista Philos, traz permanentemente uma variada programação de curtas-metragens e documentários de produções independentes realizados no Brasil e no mundo.

Durante o período de quarentena, o Cine Philos irá indicar semanalmente filmes de narrativas importantes. Acompanhe nossas redes sociais no instagram, facebook e twitter por meio da hastag #cinephilos e não perca as próximas indicações. Para assistir aos filmes, basta clicar em seus respectivos pôsteres. 


Negrume, direção de Diego Paulino (SP) 21′

“Entre melanina e planetas longínquos, o curta propõe um mergulho na caminhada de jovens negros da cidade de São Paulo”.


Retratos para você, direção de Pedro Nishi (SP) 12′

Uma menina chinesa conhece um estrangeiro que veio de muito longe. Ela e sua família o acolhem. Até que chega a hora de ele voltar para sua terra. Eles precisam se despedir, sem saber quanto tempo durará esse adeus“.


Guaxuma, direção de Nara Normande (PE) 14′

Eu e a Tayra crescemos juntas na praia de Guaxuma. A gente era inseparável. O sopro do mar me traz boas lembranças.


Deus, direção de Vinicius Silva (SP), 25′

Acompanhando a rotina de Roseli, o filme visa expor o dia a dia de mulheres negras da periferia da cidade de São Paulo que batalham para garantir seu sustento e, especialmente o de seus filhos“.